Soft e Hard Skills: saiba o que os recrutadores analisam na hora de uma contratação

Soft e Hard Skills: saiba o que os recrutadores analisam na hora de uma contratação

Soft e Hard Skills: saiba o que os recrutadores analisam na hora de uma contratação

Se você tem participado de muitos processos seletivos ou é usuário da rede social LinkedIn, com certeza já deve ter ouvido falar de soft e hard skills. Os dois termos em inglês são comuns no vocabulário dos profissionais de recursos humanos e, apesar do jargão estrangeiro, não estamos falando de nenhum bicho de sete cabeças.

Hard Skills significa habilidades técnicas. Ou seja, é tudo o que o candidato aprende na escola, em um curso ou universidade. Já as soft skills são as habilidades comportamentais, como a facilidade em se comunicar, em trabalhar em equipe, entre outras características.

O que é mais importante?

Nos dias de hoje, segundo o consultor em Recursos Humanos, Fábio Sartori, “70 por cento das empresas contratam pelo comportamento”. Isto por que é mais fácil treinar um funcionário. No entanto, mudar uma soft skill nem sempre é tão simples assim. “Na hora de escolher entre duas pessoas que têm a mesma experiência e nível técnico, o comportamento será decisivo”, explica.

Falando sobre as Softs Skills

Numa entrevista de emprego, nem sempre o candidato que é mais desinibido, por exemplo, terá vantagem sobre o tímido. Segundo a consultora de carreira e desenvolvimento humano do Grupo Sartori, Silvia Mendonça, o importante é que os valores e expectativas do candidato estejam alinhados com o da companhia que está contratando. “Se a empresa busca alguém para o cargo de liderança, é claro que a habilidade da comunicação fará diferença. Para outras funções, uma hard skill pode ser até mais relevante”.

Para participar de uma seleção, o autoconhecimento é essencial. Só por meio dele que o candidato, ao falar com o recrutador, poderá citar exemplos de softs skills. “Não fará tanta diferença se alguém escrever no currículo, LinkedIn ou falar em uma entrevista que tem habilidade de liderança. Melhor do que isso é exemplificar, contar um caso de sucesso”, conclui.

Quer se conhecer melhor e ter mais chances na carreira? Saiba mais em www.escoladocomportamento.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *